Plasticidade neuronal

Plasticidade neuronal

Posted on Posted in Conhecer o cérebro, sistema nervoso

Plasticidade neuronalA plasticidade neuronal, também designada por neuroplasticidade, é a capacidade que o cérebro tem em desenvolver novas conexões entre neurónios ao longo do tempo, (isto é, novas sinapses entre neurónios) em função de experiências individuais, de acordo com as necessidades e fatores do meio ambiente.

A plasticidade neuronal é a capacidade básica e essencial do sistema nervoso em mudar-se, adaptar-se e remodelar-se ao longo do desenvolvimento neuronal e quando sujeito a novas experiências. É um processo dinâmico, contínuo e adaptativo, a nível estrutural e funcional.
Esta mudança adaptativa do sistema nervoso é resultado de interações com o meio ou resultado de lesões.

O código genético tem informação sobre as conexões neuronais no cérebro, que ocorrem essencialmente na fase pré-natal, antes da influência significativa do meio ambiente. A influência ambiental vai contribuir e determinar o padrão final das conexões.
Os neurónios estão conectados em circuitos ou redes neuronais por vários tipos de sinapses, com caraterísticas e funções distintas. Deve-se ter em conta a especificidade de cada circuito e a interação dinâmica entre os circuitos neuronais.
A neuroplasticidade é um processo que permite a remodelação destes circuitos ou conexões sináticas, de forma a otimizar a sua função.

A neuroplasticidade explica as mudanças morfológicas e/ou funcionais que ocorrem nos circuitos neuronais ao longo da vida, por interação com o meio ambiente e, no desenvolvimento de funções extremamente importantes do individuo.

Determinados estímulos do ambiente podem ser a base da ocorrência de novos processos de informação.

A neuroplasticidade está na base das conexões neuronais que se formam durante a aprendizagem consciente (memória) e inconsciente (automatismos).

A plasticidade cerebral permite que determinada função do SNC possa ser desenvolvida noutra área do cérebro, como resultado de aprendizagem e treino.
A neuroplasticidade está na base da neuro-reabilitação (recuperação da função).

A neuroplasticidade está na base da formação de memórias e aprendizagens, do desenvolvimento de funções motoras e neuropsicológicas, bem como na adaptação à lesão (recuperação funcional) ao longo da vida.

Leave a Reply